sexta-feira, 23 de julho de 2010

Comi a bundinha gostosa virgem da gata safada namorada do meu amigo

Foto



Comi a bundinha gostosa virgem da gata safada namorada do meu amigo

Olá, meu queridos leitores estou aqui mais uma vez para contar mais uma de minhas aventuras. este conto e veridico e aconteceu mas ou menos uns dois anos atrais, nessa época tinha e tenho ate hoje um grande amigo, desse tipo de ''amigo pra todas as horas'', pois bem eu tinha descolado uma gatinha q mora numa cidade vizinha a nossa, essa gatinha era casada tinha 22 anos cabelos curtos seios medios bumbum redondinho uma falsa magra,bem apetitosa, trabalho no ramo de comercio aqui em recife e modestia a parte e uma das melhores maneiras de conhecer gente bonita e simpatica e foi assim q a conheci, trocamos telefone e começamos a nos comunicar pelo mesmo!!! as nossas conversas foram ficando diarias, tinha dias q nos falavamos varias vezes ao dia e nossa vontade de se ver ia cada dia aumentando mais ainda,mais pelo fato de ser casada seria dicifil um facil encontro,principalmente pelo horario pois trabalho toda a parte do dia, só estando livre a noite,me respondam,''qual o marido que deixa sua esposa sair a noite sem mais nem menos? mais pra minha sorte ela tinha uma vizinha e que vizinha, uma moreninha cor de jambo seios medios durinhos feito peras e dona de uma rabo q deixa qualquer paul duro!!!! e pro nosso delirio ela na epoca era bem novinha. Vocês mulheres devem saber quando estão de um certo modo atraidas por alguma pessoa e tudo faiz ou fala e referido a ela entendem? foi oq aconteceu ela falava muito de mim pra essa vizinha dela q vieram c torna grandes amigas. com as nossas conversas descobrimos um jeito de c ver q seria ela saindo junto com sua vizinha pois seu marido a conhecia e não desconfiava dela acho pelo fato dela ser novinha!!!mais pra agente sair eu tinha q arrumar uma amigo pra ficar pelo menos conversando com ela, se rolasse um clima eles estariam a vontade pra ficar, tudo combinado com as meninas no mesmo dia encontrei com meu amigo flavio pois todas as noites nos encontravamos pra jogar conversa fora então falei pra ele ele ficou meio cismado porque não tinha visto a gata ainda e tal, pois pensava q ela era feia e eu so queria levalo pra poder ficar com a outra mais insisti ate ele topa no dia marcado eu estava ancioso doido q chegasse logo a hora,então larguei corri pra casa tomei um banho liguei pra meu amigo ele ja tava pronto me esperando as meninas tbm, pois vcs devem saber uma fugida assim nimguem tem muito tempo!! peguei o flavio e fomos rumo a cidade vizinha c encontrar com kely que era a minha a falsa magra e nayane a morena cor de jambo quando nos encontramos as meninas entraram no apresentei meu amigo e foi quando conheci a naiane pois so conhecia por foto do orkut e pelo celular quando a vi fiquei logo louco,fomos a outra cidade vizinha pois podiamos correr o risco de ser vistos em qualquer lugar mais e bem melhor prevenir fomos a um barzinho conversar um pouco e c conhecer melhor. conversa vai e vem ja tinha tomado umas quatro dozes de whisque, ja pra ficar mais a vontade e esquentar a orelha, mais eu ja estava dando bjo de boca na minha gatinha doido pra sair dali então foi quando eu a chamei pra irmos a um lugar mas aconchegante!!!rsrsrs ela disse q teria q falar com a amiga dela pois não poderia ir sem ela, justo na hora q o flavio disse que iria no banheiro então kely foi falar com nayane que nem precisou muita conversa aceitou logo de kara,pois tinha gostado de flavio e tava afim de ficar com ele, pagamos a conta e fomos direto pra um motel, la chegando deixei flavio e nayane no quarto e fui pro meu q era do lado sinceramente tava morrendo de ciumes pois ele ia comer uma carne e primeira não q a minha fosse feia pelo contrario mais e coisa de homem mesmo ‘’quer sempre mais’’, entrei no quarto e não quis mais pensar em nayane pois estava com uma gata me esperendo e ainda por cima casada, então a abracei começamos a nos beijar um beijo gostoso apaixonado bem delicado mais não durou muito pois quando percebi ja estavamos com a respiração ofegante num amasso quente mesmo tirei sua blusa i vi pular dois peitinhos lindos e durinhos e ela com um sorrido lindo e safado, me dizendo ''chupa....chupa meu peitinho chupa'''' nossa cai de boca com gostoso e convicção prendi o biquinho do peito no dente e fiquei passando minha lingua, gente quase que ela arranca meus cabelos com a boca ocupada comecei a desabotoar a sua calça me deparei com fio dental lindo branco todo transparente a safada ja tinha saido com a intenção de me dar. fui descendo lambendo sua barriguinha e ela c arrepiando toda passei a lingua entre suas coxas e pude sentir seu cheiro e ver o quanto ela estava excitada pois com a transparencia da calcinha vi q ja formava uma noda com seus liquidos escorrendo e tambem ja não perdi mais tempo afastei sua calcinha e comecei bem devagar passei minha lingua em seu grelo que estava duro feito pedra, comecei a chupalo e ela a gemer um gemigo gostoso de escutar entre susurros q não entendia ela falar foi quando ela começou a rebolar na minha boca sabia que queria gozar então não me fiz de rogado aumentei os movimentos com a lingua ela segurou meus cabelos e começou a gritar anuciando que estava gosando e pudi sentir o gosto de seu goso q era saborozo limpei tudo com lingua e deixei ela provar seu proprio gosto com mais um beijo de lingua ela ficou em cima e começou a me lamber do pescoço a barriga tirando minha bermuda e fiquei so de cueca com o paul quase rasgando de tão duro ela se encaixa entre minhas pernas ficando com o rosto em cima do meu paul ela morde ele por cima da cueca e sorri e ja estava pra la de doido então ela liberou meu paul da cueca ''''não tenho paul muito grande mais tambem não é pequeno da ultima vez q medi de 18 cm e bem grosso'''' ela olha pra ele e sorri novamente com sua mão envolve ele todo e começa uma gostosa punheta que tira de mim um gostoso gemido, ela ouvindo o gemido olha pra mim com a kara de safade e diz '' ta gostando cachorro safado''' e aumenta a intensidade da punheta do outro gemido e respondo ''' como não posso gostar? vadia safada.ela sorrindo passa a lingua na cabeça de meu paul que na mesma hora solta uma certa quantidade de libido e dou outro gemido mais safado ela passa novamente a lingua e limpa toda a extensão da cabeça com lingua e diz '' nossa q delicia''' e engole de uma so vez meu paul me fazer quase gritar nossa q sensação gostosa ela com meu paul na boca e olhando pra mim eu pego em seu cabelo tiro meu paul de sua boca e bato com ele em sua kara ''' chupa cachorra safada chupa gostoso esse paul chupa '' batendo com ele em sua kara ela de imediato atende meu pedido e engole novamente não aguentando mais as chupadas que ela dava a puxei pelos cabelos e beijei novamente nos entrelassamos fui pra cima dela apontei meu paul na entrada da grutinha e fui explorando lentamente devagar sentindo cada sentimetro do meu paul se alojando por dentro de sua bucetinha deliciosa ela começou agemer ''isso vai me come vai....enfia esse paul gostoso em mim enfia então comecei a força mais pra dentro sentia meu paul roçando nas paredes de sua buceta, tirei meu paul de dentro me deitei e mandei ela sentar em cima'''senta cachorra safada senta gostoso senta engole esse paul engole vadia safada''' e ela gritava '''aaaeeee caralho que paul gostoso do karai me fode vai me fode caralho''''' empurrei ela e a mandei q ficasse de quatro gente quando se apoiou na q arrebitou aquela bunda e disse come vai safado me come de quatro come, meu paul ja estava todo melado de gozo dela ja estava facil a entrada e saida foi quando vi aquele buraquinho piscar pra mim nossa então le perguntei''' e esse cuzinho em? ele come esse cuzinho come?'' ela ''' não meu cuzinho numca nimguem cumeu ''' eu '' ate hj ne? ela ''hum hum''' ja peguei o gel sem tirar meu Paul de dentro de sua buceta já fui lubrificando seu cuzinho com o gel, tirei meu paul de sua buceta e passei uma certa quantidade de gel em sua cabeça também,coloquei ela deitada de lado me alojei entre suas pernas ficando bem no meio delas apontei e encaxei bem na porta de seu cuzinho fui forçando devagar queria que fosse prazeroso tirar aquele cabacinho difícil foi conseguir fazer com oq a cabeça entrasse quando sentir ela passando o tesão que sentir na hora e indescritível ela deu um grito de dor então parei não queria que ela sentisse dor e sim prazer, parei com a cabeça dentro de seu cuzinho ela dizendo pra parar por que estava doendo então dei um beijo em seu pescoço e susurrei em seu ouvido que não ia parar por que queria cumer o cu dela! Fiquei um certo tempo parado para que ela se acostumasse com a situação e fazendo muito carinho nela beijando alizando susurrando no ouvido dela então comecei a sentir seu quadril se mover, ela estava começando a rebolar no meu cacete aproveitei e fui empurrando devagar ela gemia e pedia pra ir devagar’’’ vai safado come cuzinho come meu marido numca comeu aquele corno safado come ele come’’ quando me dei conta estava com o cacete todo atolado no cuzinho dela e ela já estava gritando de prazer eu tirava ate a cabeça pra fora e empurrava de so vez botei ela novamente de quatro e ae não resisti meu cacete naquele cuzinho apertado e ainda mais tinha dono que era o marido dela aumentei as bombadas ela gemendo era mesmo q musica pro meus ouvidos ‘’’ahhhhhhhhh vai caralho fode essa cachorra fode, não é isso que vc queria agora ela fode ‘’’’ perguntei onde ela queria que eu gozasse ela respondeu onde você

quiser eu disse ‘’’quero gozar na sua boca’’ ela ‘’ então vem na minha boquinha vem gozar gostoso’’’ me levantei a virei de frente pra mim sentei ela na cama e fiquei em cima da cama ela pegou meu cacete começou a punhetar botou seu rosto pertinho e disse ‘’ goza vai goza que eu quero cachorro’’’ não agüentando aquela cena me explodi num gozo deliciozo e esporrei toda sua carinha me deitei um pouco e voltei a lembrar de nayane o que ela estava fazendo com Flavio ou o que já teriam feito o telefone toca era Flavio me chamando pra ir embora pagamos a conta pegeui os dois e fomos embora voltando a nossa cidade deixamos as meninas próximo as casas delas e fomos pra casa e o Flavio o tempo todo falando de nayane poxa já tava com raiva por que quem cumeu foi ele passaram uns três dias depois nos sempre se falando por telefone mais oque eu não sabia era que ela tinha contado tudo a nayane tudo mesmo e tinha dito a ela que tinha adorado ter me dado o seu cuzinho ‘’’fiquei sabendo disso depois’’’ mais ae é outra historia q vou contar dependendo de seus comentários me descupem pelos.

Marcadores: , , , , , ,

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Início